O Nova Post tem como objetivo trazer um jornalismo de qualidade a partir das coberturas e análises nas áreas de tecnologia cotidiana (smartphones, televisores, etc.), games (jogos para computador, videogames, mobile e e-sports, englobando também o universo feminino) e internet das coisas.
d

The Point Newsletter

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error.

Follow Point

Begin typing your search above and press return to search. Press Esc to cancel.

Apple anuncia novos iPad Pro, Smart Keyboard e 2ª geração do Apple Pencil

Novo iPad Pro é 15% mais fino que a geração anterior e conta com o novo processador A12X Bionic, mais poderoso que o dos novos iPhones.

A Apple acaba de anunciar o novo iPad Pro. O tablet profissional da Maçã elimina o Home Button, tem menos bordas e agora conta com o Face ID, a tecnologia de reconhecimento facial do iPhone X.

O iPad Pro vem com a nova tela Liquid Retina presente no iPhone XR, que permite bordas arredondadas no display. Disponível na versão de 11 polegadas, com a mesma carcaça do modelo anterior de 10,5 polegadas, o grande destaque é a versão de 12,9 polegadas que ficou com a mesma tela, mas em um corpo menor. Os novos iPads têm apenas 5,9 mm de espessura e pesam menos de um quilo.

Os tablets profissionais da Apple contam com processador A12X Bionic, que promete aproveitar ao máximo a versão completa do Adobe Photoshop, que chega em 2019, e de jogos como o NBA 2K. O novo chip da empresa promete uma performance 90% melhor que a geração anterior ao usar os multicores e 35% mais rápido em um único núcleo. Os gráficos também contam com uma perfomance duas vezes melhor.

O iPad Pro de 2018 traz pela primeira vez o Face ID, o reconhecimento facial da empresa, para um tablet. A grande novidade é que a tecnologia funciona em qualquer posição, ou seja, o usuário pode desbloquear o produto com ele na horizontal. Inclusive, as pessoas podem fazer fotos no Modo Retrato com a câmera frontal de 7MP, aproveitar os Animojis, Memoji e o FaceTime em Grupo com mais de 30 pessoas.

O iPad mantém as quatro saídas de áudio, que são menores, mas reproduzem com um som mais claro e vívido. O acabamento agora lembra uma segunda geração do iPhone 5 em alumínio.

Pela primeira vez, a Apple trocou a porta Lightning para USB-C, o que permite conectar uma câmera profissional ao tablet, conectá-lo a um monitor 5K ou, até mesmo, carregar o seu iPhone. É claro, para isso são necessários os diversos adaptadores que a empresa vende em seu site.

Que venha a segunda geração do Apple Pencil e do Smart Keyboard

O design do novo iPad Pro também foi atualizado para oferecer uma melhor conexão ao Apple Pencil e ao Smart Keyboard. Agora, a caneta inteligente da Maçã prende na lateral do iPad e carrega por indução, ou seja, não é mais necessário espetá-la na entrada do tablet. A Pencil também ganhou novos truques: dê dois toques nela para dar zoom in ou out no Photoshop ou trocar o estilo do lápis ou ativar a borracha em um aplicativo.

Já o Smart Keyboard está mais simples de usar e conta com duas inclinações diferentes: uma para a mesa e outra para quando o iPad estiver no colo. A nova case também protege a traseira do tablet, que na geração anterior protegia apenas a frente.

Preço e disponibilidade do iPad Pro (2018)

Os novos iPad Pro vêm em duas cores: Cinza-espacial e Prateado. O modelo de 11 polegadas começa em R$ 6.799 na versão apenas com Wi-Fi e R$ 7.999 na versão com 4G. Já o modelo de 12,9 polegadas começa em R$ 8.399 apenas com Wi-Fi e R$ 9.599 com 4G.

O iPad Pro de 12,9 polegadas pode chegar a R$ 15.599 na versão de 1TB em Wi-Fi + Cellular. As capacidades do tablet da Apple são de 64GB, 256GB, 512GB e, pela primeira vez, 1TB.

A segunda geração do Apple Pencil custa R$ 979 e o Smart Keyboard Folio chega por R$ 1.199 no modelo de 11 polegadas e R$ 1.349 na versão de 12,9 polegadas.

Nenhum dos modelos está disponível para venda na Apple Store brasileira. Nos Estados Unidos, eles começam a ser vendidos no dia 7 de novembro, com a pré-venda sendo iniciada nesta terça (30).

Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, é editor de internet do Jornal da Globo e escreve sobre tecnologia e games.