Redes Sociais

Olá, o que você está procurando?

Nova Post
microsoft-edge-ultrapassa-safari-como-navegador-mais-usado-em-desktops-destaque

Tecnologia

Ranking dos navegadores: Edge destrona safari e agora só perde para o Chrome

Ranking dos navegadores para abril mostra que, no contexto global e nos acessos via desktop, Microsoft Edge é o segundo mais usado no mundo.

Pode não parecer, mas já faz sete anos que o Microsoft Edge foi apresentado ao mundo. Baseado no Chromium, o mesmo motor do Google Chrome, o browser oficial do Windows já se consolidou no mercado – e, mais recentemente, ultrapassou o Safari dentre os mais utilizados em desktops.

Compilados de maio de 2021 a abril de 2022, os números da consultoria StatCounter refletem o cenário global. Segundo eles, neste último mês, enquanto o Edge abocanhou 10,07% das navegações via PC, o Safari manteve-se na faixa dos 9,62%, média que vem apresentando desde o ano passado.

Já na liderança, como é de se imaginar, o Google Chrome se mantém invicto, com 66,58% das navegações online via desktop. No ambiente mobile, o navegador da Google também se sai em primeiro, com 63,59% dos acessos.

Aqui, é interessante notar que, dada a popularidade do iPhone, o Safari se sai em segundo, com 24,83% da navegação via smartphone.

No Brasil, Edge não disputa o segundo lugar com o Safari, mas com o Opera

gráfico-da-statcounter-sobre-os-browsers-mais-usados-no-brasil
(Imagem: StatCounter)

No Brasil, Google Chrome é líder no computador e no smartphone, com, respectivamente, 78,87 e 75,39% dos acessos.

No contexto global, o Opera, navegador conhecido por seu bom desempenho em máquinas antigas ou mais fracas, aparece em último lugar, com 2,44% do mercado. Já no Brasil, devido à mencionada promessa de velocidade e estabilidade, o navegador registrou 5,59% de participação nos acessos, comparados a 7,45% do Edge.

Curioso, no entanto, é o fato de que, até fevereiro de 2022, o Opera se encontrava acima do Microsoft Edge, com 8,32% dos acessos via desktop. De lá até maio, a situação se inverteu bastante e o Opera agora está abaixo inclusive do Firefox, que tinha 6,03% dos acessos em abril.

No cenário mobile para o Brasil, a situação é parecida com o que vemos no resto do mundo: Chrome lidera 75,39% dos acessos, Safari vem logo depois, com 12,02%, e, em seguida, o navegador dos Samsung Galaxy, com 4,78%.

Tudo estaria normal se não fosse pelo fato de que o Instabridge, um aplicativo pouco conhecido no segmento, saltou, de 4,96% em janeiro, para 27,78% em fevereiro, abocanhando uma boa parcela dos usuários do Chrome em smartphones. Agora em abril, contudo, a situação já se normalizou.

O Instabridge, vale citar, é um app que promete revelar as senhas de redes Wi-Fi próximas, e que também possui um navegador embutido.

Relacionado:

Leia também:

Análise

Veja como o Apple Fitness+ transformou um dos treinos mais chato da academia, a esteira, em uma das atividades mais proveitosas do meu dia.