Redes Sociais

Olá, o que você está procurando?

Nova Post
beats-studio-buds-novas-cores-nova-post-1

Apple

Beats Studio Buds ganha três novas cores, já disponíveis no Brasil

O fone de ouvido mais vendido da Beats até hoje, o Studio Buds também pode ser encontrado em Rosa Crepúsculo, Azul Oceânico e Cinza Lunar.

Lançado há oito meses no Brasil, o Beats Studio Buds acaba de ganhar três novas cores – e que já estão disponíveis no país. O fone de ouvido sem fio mais vendido da Beats, o Studio Buds, agora também pode ser encontrado em Rosa Crepúsculo, Azul Oceânico e Cinza Lunar.

O Beats Studio Buds conta com um design compacto, 100% wireless e com ANC nativo. Menor que o Powerbeats Pro, o fone também é uma forte opção para o mercado Android, uma vez que pareia rapidamente com os celulares com o sistema do robô.

Não é por menos que a empresa diz que ele é o fone da Beats mais vendido até hoje. Diferente do Beats Fit Pro que conta com o chip H1 – e profunda integração com produtos da Apple –, o Studio Buds promete agradar tanto gregos quanto troianos.

Apesar de não ser feito especificamente para o ecossistema Apple, usuários do Beats Studio Buds com assinatura no Apple Music podem aproveitar o suporte ao Dolby Atmos com Áudio Espacial.

“Os fones são projetados para priorizar a reprodução de áudio de alta qualidade e conforto geral – não importa se você está ouvindo música, vendo um filme ou conversando com um amigo (…) Os fones permitem que você ouça cada nota da música.

O Buds traz 24 horas de reprodução de música ao total e cinco horas de bateria em uma única carga com o Cancelamento Ativo de Ruído ou o Modo Ambiente ligados. Sem eles, é possível chegar a 8 horas com os fones longe do estojo. O estojo, é importante dizer, usa uma porta USB-C e não traz carregamento wireless.

Os fones também trazem integração ao app Buscar do iPhone. Apesar de não contarem com o chip U1, é possível encontrá-los na rede Find My.

Desde que chegaram no Brasil em 2021, os fones receberam um raro reajuste para baixo por parte da Apple e eles custam a partir de R$ 1.731 no site oficial da empresa aqui.

Leia mais:

Leia também:

Análise

Veja como o Apple Fitness+ transformou um dos treinos mais chato da academia, a esteira, em uma das atividades mais proveitosas do meu dia.